;

Especiais

Brasil| MT é líder em resgates de trabalhadores em situação análoga à escravidão em 2017

Com informações do G1

Mato Grosso lidera o ranking de resgates de trabalhadores em situação análoga a escravidão em 2017, segundo dados são de um levantamento elaborado pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). Entre janeiro e dezembro do ano passado, 78 pessoas foram resgatadas no estado.

Ao todo, foram resgatados 407 trabalhadores submetidos a trabalho análogo a escravidão no Brasil.

Em segundo lugar na lista, aparece o estado do Pará com 72 trabalhadores e, em seguida, Minhas Gerais com 69 resgatados.

Ainda em 2017, foram realizadas 4.554 ações de fiscalização no estado relativas ao cumprimento das normas trabalhistas e de segurança no trabalho.

Em todo o Brasil, o MTE realizou 205.979 mil fiscalizações. São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro lideram o ranking com o maior número de ações no país. Foram, respectivamente, 31.555 mil, 27.207 mil e 21.808 mil ações.


No total, 184 propriedades foram visitadas em todo o Brasil, o que resultou no pagamento de R$ 2,28 milhões. Em Mato Grosso, as multas geraram indenização de R$ 503 mil.