"SUPLETIVO 2014 "

A partir do dia 31 de maio estará aberto o período de agendamento das provas do Exame Supletivo Online.

DE OLHO NOS DETALHES,VAGAS DE EMPREGO

Vagas disponível no SINE de Alto Taquari.

DISQUE 100

Não seja cúmplice desse crime, sexo com crianças e adolescente é crime.

CADASTRO POSITIVO

Empresa disponibiliza gratuitamente consultas nos órgãos de proteção ao crédito SPC.

quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Multas de trânsito vão subir até 900 % a partir de sábado

 
A partir deste sábado, arriscar-se em ultrapassagens perigosas vai custar mais caro para motoristas que forem flagrados pela fiscalização. Nesta data entra em vigor a lei federal que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB). Entre as onze mudanças no código, estão as que aumentam a multa para esse tipo de infração e ainda as que endurecem o valor imposto a motoristas que praticam rachas. Em 2013, foram registradas 285.889 infrações, em casos que sofrerão punição mais severa; este ano, elas já somam 233.077.
 
No caso de ultrapassagens em que se força uma manobra perigosa com veículo vindo em sentido contrário, o valor da penalidade aumenta mil por cento, de R$ 191,54 para R$ 1.915,40. A multa para quem ultrapassar pelo acostamento, hoje de R$ 127,69, passará a R$ 957,70, uma alta de 650%. E as ultrapassagens em local proibido sofrerão reajuste de 500%, indo dos atuais R$ 191,54 para R$ 957,70. A percentagem valerá ainda para infrações como ultrapassagem em subidas, curvas e locais sem visibilidade.

Os rachas, se terminarem em acidente com morte, poderão levar o culpado a passar de cinco a dez anos na prisão. Sem vítimas, se a prática for flagrada, pode terminar em pena de três anos de prisão para os motoristas, e em multa mais cara: dos R$ 574,62 atuais, passará para R$ 1.915,40. Caso haja vítimas não fatais, a pena prevista no código modificado é de seis anos de prisão.

De acordo com o Denatran, as infrações, além de passíveis de cobranças mais caras, são consideradas gravíssimas e valem a retirada de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação. A nova lei prevê ainda que ultrapassagens perigosas e rachas custem aos motoristas envolvidos 12 meses sem o direito de dirigir. Já se o culpado for reincidente, o valor da multa dobra.

Em nota, o Denatran afirmou que “o objetivo das mudanças é aumentar a segurança de motoristas e pedestres e das infraestruturas urbanas numa combinação de medidas que inclui a cooperação nacional, a partilha de boas práticas, a realização de estudos de investigação, a organização de campanhas de sensibilização e a adoção de regulamentação”. No texto, o órgão diz ainda que pretende “incentivar os motoristas a conduzirem os veículos de forma segura”.

A Polícia Rodoviária Federal informou que, como os pardais não conseguem detectar detalhes além de excesso de velocidade, a fiscalização será feita “onde houver presença de agente de trânsito ou aparelhos de videomonitoramento”.



Fonte: O Globo 

terça-feira, 28 de outubro de 2014

Inep libera acesso ao cartão de confirmação do Enem

 
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) abriu, na tarde desta segunda-feira (27),  o acesso aos cartões de confirmação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Para acessá-lo, é preciso informar o CPF e a senha de login no site de inscrições do Enem. O acesso é individual.

O Enem 2014 acontece nos dias 8 e 9 de novembro. Segundo o MEC, o envio dos cartões pelos Correios também terá início nesta segunda-feira. A versão enviada pelo correio é a mesma que pode ser acessada pela internet.
 
O cartão confirma o endereço e o local de provas de cada candidato, mas não é obrigatório apresentá-lo no dia do exame para poder fazer as provas. Ele também informa se o candidato fará a prova de linguagens com questões em espanhol ou inglês (de acordo com a escolha no ato da inscrição), se ele se inscreveu para o Enem para conseguir o certificado de conclusão do ensino médio e/ou se terá acesso a atendimento especial (no caso de deficientes) ou específico, no caso de gestantes, lactantes, idosos e sabatistas, por exemplo.

Quem não receber o cartão, não conseguir imprimir pela internet ou constatar algum erro no documento deve entrar em contato com o Inep pelo telefone 0800-616161.

Neste ano, o Enem tem mais de 8,7 milhões de candidatos com a inscrição regularizada e que, segundo o Ministério da Educação, poderão participar das provas nos dias 8 e 9. O número é 21% mais alto do que na edição de 2013 do exame.

Realização das provas
 
Assim como nos anos anteriores, o Enem ocorrerá em dois dias seguidos. No sábado, dia 8 de novembro, os participantes farão as provas de ciências humanas e ciências da natureza, das 13h às 17h30 (horário de Brasília). No domingo, dia 9 de novembro, serão aplicadas as provas de linguagens e códigos, matemática e redação. Nessa data, o tempo do exame será mais longo, entre as 13h e as 18h30 (horário de Brasília).

Segundo o MEC, serão impressas 18,3 milhões de provas (incluindo normal, ampliada, ledor e braile – estas três últimas, para quem tem diferentes graus de deficiência visual) em 1.699 municípios do país. Este ano, 785 mil funcionários vão ajudar na realização do Enem, entre coordenadores de locais de aplicação, assistentes de coordenação, chefes de sala, fiscais e apoio. Em todo o Brasil, haverá 16,6 mil locais de exame.




Fonte: G1

Peão de Alto Taquari ganha carro 0Km na 12° EXPOUNI em Minas Gerais

Zóião recebendo seu primeiro carro - Foto: Luis Antonio
O morador de Alto Taquari Anderson Lucas, conhecido como Zóião ganhou neste sábado (26) na 12° EXPOUNI na cidade de União de Minas – MG um carro zero Km. Ele acumulou 428,75 pontos, enquanto o segundo colocado somou 428 pontos. 

A disputa bem acirrada, no entanto, tudo correu bem para o taquariense que por 0,75 décimos levou o primeiro lugar e um carro zero km, o primeiro de sua carreira. 

Segundo relatos de amigos próximos a Zóião, a maior dificuldade enfrentada por ele é a falta de patrocínios, no entanto, isso não impede que o peão corra atrás de seus sonhos. Ele por onde passa sempre leva consigo o nome de sua querida cidade de Alto Taquari. 

Como a cidade não oferece um espaço para treinamento, Zóião como outros peões da cidade descem para o Distrito do Buriti, onde treinam e podemos dizer onde Anderson Lucas começou sua carreira. 


Comentários preconceituosos contra nordestinos na web podem ser punidos

 
Assim que o resultado das eleições presidenciais foi divulgado, às 20h de ontem (26), os comentários sobre a participação dos votos do Nordeste na vitória da candidata do PT, Dilma Rousseff, começaram a surgir nas redes sociais. Segundo o diretor-presidente da organização não governamental (ONG) SaferNet Brasil, Thiago Tavares, as páginas na internet e nas redes sociais que têm violações aos direitos humanos serão investigadas e seus autores poderão ser punidos. Tavares explica que, assim como quem cria, quem compartilha um conteúdo de ódio e preconceito também pode ser responsabilizado criminalmente.

Tavares, que é professor de direito da informática da Universidade Católica de Salvador, disse hoje (25) que, desde ontem, a ONG recebeu 421 denúncias referentes a 305 novas páginas nas redes sociais, especialmente no Twitter e no Facebook, com o objetivo de promover o ódio e a discriminação contra a população de origem nordestina. “Lamentavelmente, tudo indica que hoje essas manifestações devem continuar crescendo e ao longo desta semana também”, disse o professor.

As denúncias feitas após a divulgação do resultado do segundo turno são 342,03% maiores em relação àquelas recebidas no dia 5 de outubro, do primeiro turno das eleições. E, segundo Tavares, 662,5% maiores em relação às no dia 26 de outubro de 2013, fora do contexto eleitoral. Tavares diz que as pessoas precisam valorizar a diversidade e respeitar os direitos humanos. “Mas, diante de uma campanha tão polarizada e tão radicalizada, é difícil muitas vezes conter o ímpeto de alguns usuários que resolvem descarregar nas redes sociais as suas frustrações e todo seu preconceito em relação à população nordestina”, disse.

Para Tavares, o mais preocupante é que existem usuários que não são tipicamente criminosos, mas compartilham mensagens de ódio que muitas vezes são postadas “por grupos de extrema direita, de orientação neonazista, inclusive, que se sentem legitimados, fortalecidos e encorajados em momentos como este e encontram nesses eleitores inconformados uma espécie de instrumento para propagar esse tipo de mensagem de ódio e desestabilizar o país”.

A ONG foi criada em 2005 com foco na defesa dos direitos humanos na internet e é operada em parceria com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal. As denúncias podem ser feitas de forma anônima na página da SaferNet, apenas copiando o link da página que tem a violação. A Lei 7.716, de 1989, pune, com pena que pode chegar a cinco anos de reclusão, aquele que utiliza os meios de comunicação social, como a internet, para promover o ódio e a discriminação em razão da raça, cor, etnia, religião ou procedência nacional.

Para o professor do Departamento de Sociologia da Universidade de Brasília, Sadi Dal Rosso, algumas pessoas acusam os nordestinos de votar apenas por causa de algum benefício financeiro que recebam do governo, sem se preocupar com o projeto social como um todo. “O governo agora tem esse papel de dialogar, há um laço comum no país, até porque a Dilma [Rousseff] teve votos de Norte a Sul. Não há desunião no país, mas questões ideológicas que debatemos quando o ‘sangue sobe à cabeça’; ações concretas para elevar as condições de vida da população são importantes, políticas reais e afirmativas para diluir essas questões”, disse o sociólogo.

Para Dal Rosso seria problemático se surgissem movimentos de rua truculentos, como alguns que atuaram nas manifestações de junho de 2013, mas ele diz que já viu um usuário pedindo desculpas nas redes sociais por ter usado “expressões muito duras”, reconhecendo os exageros, o que, para ele, indica que o clima pode estar esfriando.

Segundo Thiago Tavares, da SaferNet, há dois exemplos emblemáticos de crime de ódio na internet. “Nas eleições de 2010, a estudante de direito da Universidade Mackenzie, Mayara Petruso, de 21 anos, declarou no Twitter, logo que saiu o resultado, que os usuários da rede deveriam fazer um favor a São Paulo e matar um nordestino afogado. Em razão dessa mensagem, ela foi condenada pela Justiça Federal, perdeu o estágio, teve que prestar serviço comunitário, pagar multa, o que gerou um transtorno para a vida dela”, contou.

O outro caso aconteceu nas eleições deste ano. Segundo Tavares, uma auditora do Trabalho da Bahia foi indiciada por usar as redes sociais para pregar a violência física e o ódio contra nordestinos. “Os casos estão começando a chegar ao Judiciário e ele tem se pronunciado no sentido de condenar as pessoas que tem usado a internet para essa finalidade”, completou.

segunda-feira, 27 de outubro de 2014

Aécio Neves (PSDB) vence a candidata do PT com 67,33% dos votos válidos em Alto Taquari


            Os eleitores taquarienses mais uma vez protestou nas urnas o desejo de mudança quando com 67,33% dos votos válidos o que representa 2.788 votos escolheram Aécio Neves( PSDB) como presidente, contra  1.353 votos para o PT o que representa 32,67% dos votos válidos.

            No primeiro turno entre os três candidatos Marina Silva (PSB), Dilma (PT) e Aécio Neves do PSDB a população escolheu o então candidato Aécio Neves o elegendo municipalmente com 51,15% dos votos, contra 47,87% da soma total dos votos dos outros dois candidatos.

O resultado final das eleições só saiu às 20H de Brasília e a população taquariense apreensiva assistia através da TV  o desejo de mudança do Brasil  depositada em  Aécio Neves indo por agua abaixo.

A disputa foi acirrada tanto que os números deixam claro isso, a Dilma do PT se reelegeu com 51,64% dos votos válidos o que representa 54.501.118 de brasileiros que apoiam seu governo, enquanto Aécio Neves (PSDB) teve 51.041.155 votos o que representa 48,36% dos votos válidos de todo o país, a diferença foi apenas de três pontos percentuais.

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Presidenciáveis participam hoje do último debate na TV e vão responder perguntas de indecisos

 
Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) vão responder perguntas de eleitores indecisos no debate da Rede Globo, que será realizado às 22h10 desta sexta-feira. O encontro é o quarto e último do segundo turno da disputa presidencial. 
 
Com duração prevista de uma hora e 50 minutos, o debate será dividido em quatro blocos. No primeiro e no terceiro blocos, o tema será livre, com os candidatos podendo perguntar o que bem entenderem um ao outro. Nos outros dois blocos, os presidenciáveis responderão a oito perguntas elaboradas por parte dos 71 eleitores indecisos selecionados pelo Ibope que estarão na plateia. 

No último bloco, cada um dos candidatos à Presidência da República poderá fazer suas considerações finais. Dilma Rousseff e Aécio Neves, de acordo com as regras, poderão circular pelo estúdio durante as respostas. 



quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Já estão abertas as inscrições para o processo seletivo da Secretária de Educação em Alto Taquri

 
A Secretaria Municipal de Educação de Alto Taquari abriu nesta segunda-feira (20), as  inscrições para o Processo Seletivo Simplificado para a contratação temporária em diversos cargos. As inscrições estarão abertas  até o dia 30.

Segundo o edital estarão disponíveis vagas para os seguintes cargos, professores e auxiliares de desenvolvimento, facilitadores de artes, inspetores de alunos e fiscais de alunos e monitores de educação infantil de excepcional, com salário que variam entre R$916,29 a R$ 1.374.40.

Clique aqui e confira o edital. As inscrições devem ser feitas a partir da segunda-feira (20), na Secretária Municipal de Educação.