Procurando um emprego ?

Veja aqui as vagas disponíveis no SINE.

DISQUE 100

Não seja cúmplice desse crime, sexo com crianças e adolescente é crime.

CADASTRO POSITIVO

Empresa disponibiliza gratuitamente consultas nos órgãos de proteção ao crédito SPC.

terça-feira, 17 de outubro de 2017

Mato Grosso| Confira resultado e classificação preliminar da prova objetiva para professor

Com informações da SEDUC- MT 
O Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) divulgou na tarde desta segunda-feira (16.10) o resultado e a classificação preliminar da prova objetiva do concurso público da Secretaria de Educação, Esporte e Lazer (Seduc) para o cargo de Professor de Educação Básica.
A consulta pode ser feita pelo site www.ibfc.org.br, no menu Resultados. O mesmo vale para análise dos recursos contra gabaritos e questões da prova objetiva.
O prazo para interposição do recurso, previsto no item 13.1 do edital de abertura, será de dois dias úteis, no horário das 9h do primeiro dia, às 16h do último dia, observado o horário de Cuiabá.
O resultado da prova discursiva para o cargo de professor será divulgado no dia 07 de novembro.
O secretário adjunto de Política Educacional da Seduc, Edinaldo Gomes de Sousa, explica que para os demais cargos também há datas de divulgação estipuladas. “Os resultados das provas objetivas para os cargos de Apoio Administrativo Educacional (AAE) e Técnico Administrativo Educacional (TAE) serão divulgados nos dias 23 de outubro e 30 de outubro, respectivamente”, informa.
Já a lista de aprovados na prova discursiva para TAE estará disponível para consulta no dia 29 de novembro. 
Vagas
Ao todo, são 5.748 vagas disponíveis, sendo 3.324 para o cargo de Professor da Educação Básica, 1.496 para AAE e 928 para TAE, além de cadastro de reserva de 50% do total de vagas.
A pasta registrou mais de 250 mil inscrições para o certame. Os cargos mais concorridos são Apoio, que soma 111.615 inscritos, seguido pelo de Técnico, com 93.318 candidatos. Já para as vagas de Professor da Educação Básica foram contabilizadas 45.620 inscrições.
O concurso da Seduc faz parte do Pró-Escolas, maior programa de ações e investimentos da história da educação de Mato Grosso, que visa à melhoria da qualidade do ensino nas escolas estaduais.


segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Mato Grosso| Redução de 50% do ICMS cobrado sobre a carne suína em MT anima o setor

Com informações do G1 MT

O governo do estado baixou a alíquota do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) sobre a carne suína. Para os criadores, a medida pode ajudar a alavancar a produção e o consumo em Mato Grosso e em outros estados.

O decreto, assinado pelo governador Pedro Taques (PSDB), no dia 5 deste mês, reduziu o percentual da alíquota do ICMS de 12% para 6% com o objetivo de alavancar a suinocultura.

Mato Grosso é o 5º estado do Brasil em produtividade. São quase 3 milhões de cabeças, mas o consumo no estado é considerado baixo. As pessoas não têm o hábito de comer carne suína.

Vinte por cento da produção são consumidos em Mato Grosso e o restante vai para os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Goiânia. O percentual do ICMS no estado era considerado alto se comparado ao dos demais estado.

A partir de agora, Mato Grosso vai poder competir de igual para igual com os outros estados, conforme o diretor executivo da Associação de Criadores de Suínos de Mato Grosso (Acrismat), Custódio Rodrigues.


"Isso vem atenuar esses problemas e criar possibilidades e condições para que esses produtores levem para fora do estado e viabilizem a cadeia da suinocultura", declarou.


Três dos 6 assassinatos de travestis foram motivados por homofobia em MT, diz secretaria


Com informações do G1 MT

Três dos seis homicídios de travestis ocorridos este ano em Mato Grosso foram motivados por homofobia, segundo levantamento divulgado pela Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesp). Desses, quatro pessoas que praticaram os crimes já foram presas pelas forças de segurança. De acordo com a secretaria, as mortes ocorreram em Várzea Grande, Sorriso, Rondonópolis e Primavera do Leste.

O levantamento aponta que três casos foram motivados por homofobia, um foi roubo seguido de morte e outro por desentendimento envolvendo dinheiro e droga. Recentemente mais uma travesti foi morta, em Cuiabá. O caso ocorreu no Bairro Altos do Parque, no dia 11 de outubro.

A prisão mais recente é de Thiago Marques, 28 anos, no dia 3 de outubro, no Bairro Osmar Cabral, periferia de Cuiabá. Ele é suspeito de matar atropelada a travesti Natália Pimentel, de 22 anos. Natália foi morta dia 25 de julho de 2017, em um ponto de prostituição, conhecido como Zero Quilômetro, localizado em Várzea Grande. O crime ocorreu após a vítima se negar a fazer programa sexual por R$ 17.

Em Rondonópolis, a 218 km de Cuiabá, Valdinei Souza da Silva, 24 anos, foi preso dia 25 de setembro acusado de matar a travesti Tabata Brandão. O suspeito foi encontrado em um barraco de madeira no bairro Pedra 90.

Tabata, que tinha 30 anos, foi morta a tiros, dia 25 de junho, após uma discussão. O suspeito teria xingado a vítima e outras travestis na rua. Tabata revidou as agressões verbais. O suspeito foi em casa para pegar uma arma de fogo e voltou para cometer o crime.

Em Sorriso, a 420 km da capital, Cleverson Oliveira dos Santos, conhecido como Zico, de 28 anos, foi preso pela Polícia Militar, dia 15 de julho, suspeito de furto. Após ter sido detido, o homem confessou ter matado, em 2 de junho, a travesti Larissa Valverde, 24 anos.

A travesti foi assassinada com perfurações nas costas, que teriam sido provocadas por uma chave de fenda. O corpo foi encontrado no estacionamento de um supermercado na área central da cidade.

Ainda em Sorriso, a travesti conhecida como Baiana foi morta no dia 06 de setembro. Ela foi encontrada na quitinete onde morava com uma faca cravada no rosto. Um adolescente de 15 anos foi apreendido como suspeito do crime. O assassinato teria ocorrido após uma discussão por conta de dinheiro e droga.

No município de Primavera do Leste, a 239 km de Cuiabá, no dia 07 de abril, a travesti Bianca Gonçalves, de 22 anos, foi vítima de latrocínio – roubo seguido de morte. Bianca estava trabalhando com outras travestis em um ponto de prostituição, às margens da MT-130, quando o crime ocorreu. Nenhum suspeito foi preso até o momento.

Tentativa de homicídio


Uma travesti foi baleada por um cliente após um programa no dia 10 de outubro, no Bairro Jardim Potiguar, em Várzea Grande, região metropolitana de Cuiabá. Segundo a Polícia Militar, a vítima, Eliandro Brasilino de Morais, de 31 anos, foi atingida na boca e no braço. O cliente fugiu e não foi encontrado.


Educação| Carreira de professor desperta cada vez menos o interesse de jovens

Com informações da Agência Brasil
A falta de reconhecimento e de condições de trabalho tem atraído cada vez menos alunos para uma profissão que já esteve entre as mais valorizadas no país: a de professor.
A cada 100 jovens que ingressam nos cursos de pedagogia e licenciatura no país, apenas 51 concluem o curso. Entre os que chegam ao final do curso, só 27 manifestam interesse em seguir carreira no magistério. As informações foram levantadas pelo movimento Todos Pela Educação, com base em dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).
“Temos um apagão de professores, principalmente pela desvalorização. A gente já atrai pouco e, dos que vão para a formação inicial, poucos permanecem na carreira. E não se consegue ter uma área de atuação que consiga atrair os melhores alunos do ensino médio”, diz a presidente executiva do Todos Pela Educação, Priscila Cruz.
Na opinião de Priscila, entre as políticas de atratividade necessárias para aumentar o interesse na profissão está a melhoria dos salários. Segundo Priscila, atualmente o professor ganha metade do que os profissionais de outras áreas com ensino superior completo. “Realmente fica difícil atrair os melhores alunos do ensino médio para a carreira se a gente não conseguir fazer com que o salário melhore”, acrescenta.
Priscila destaca que é preciso melhorar também as condições de trabalho do professor. A proximidade dos jovens com a profissão faz com que eles vejam de perto a realidade dos professores, que nem sempre é atrativa. “O fato de o jovem verificar no seu dia a dia que os professores não são valorizados, e muitas vezes são atacados pelos próprios jovens, pelas famílias, pela sociedade, pelo governo, isso faz com que o jovem desista da profissão”, lamenta Priscila.
Desmotivação
Alguns estados pagam o piso salarial tanto para professor do nível médio quanto para  o do nível superior”,  diz
o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação, Heleno AraújoArquivo/Agência Brasil
Para o presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), Heleno Araújo, a falta de políticas que valorizem os profissionais da educação desmotiva os profissionais. Segundo Heleno, existe atualmente um processo de disputa muito grande com outras profissões, que oferecem melhor remuneração. “Até os profissionais de pedagogia estão fugindo dessa profissão, porque os salários são diferentes, e vão fazer o seu trabalho em outros espaços, que têm uma valorização maior”.
Ele ressalta que, apesar de alguns avanços nos últimos anos no processo de valorização dos profissionais da educação, como a lei do piso nacional do magistério, ainda há dificuldades, como o descumprimento, em alguns estados e municípios, da legislação que define o mínimo a ser pago a profissionais em início de carreira, além do achatamento da carreira de professor.  “Há estados que pagam o piso para o professor do nível médio e o mesmo valor para nível superior”, diz Heleno Araújo.
De acordo com a CNTE, em 2004 o salário dos professores no país representava cerca de 60% da média salarial de outras profissões – atualmente é 52% da média. “Este é o movimento inverso do Plano Nacional de Educação, que diz que, até 2020, o salário médio dos professores deve ser equiparado ao salário médio de outras profissões”, afirma.
Plano nacional
O Ministério da Educação (MEC) deve lançar nos próximos dias uma política nacional de formação de professores, já articulada à Base Nacional Comum Curricular, que vai focar na valorização dos profissionais. Segundo o MEC, está em estudo a ampliação das oportunidades das licenciaturas para a nova geração de docentes da educação básica e também para os que já estão em sala de aula.
Para o MEC, a valorização do professor é fundamental para a educação. “Existe a clareza de que o professor tem um papel central no desenvolvimento educacional de nossos estudantes e de que, para exercer essa profissão, ele precisa ser valorizado em todas as suas dimensões”, diz o ministério, em nota. 

Entretenimento| Anitta não irá ao Teleton mesmo após pedido de Silvio Santos


Com informações do Notícias ao Minuto

Anitta não irá ao Teleton, no SBT, mesmo após o próprio Silvio Santos ter pedido pela sua participação.
Segundo o colunista do UOL Flávio Ricco, todos os esforços foram feitos para levá-la ao Teleton, porém, compromissos de agenda da cantora, anteriormente assumidos, não permitirão.
No entanto, Anitta deverá gravar um vídeo pedindo o apoio de seus milhares de fãs e seguidores para a campanha do Teleton.
Profissionais de várias emissoras, exceto Band e Gazeta, participarão da maratona em prol das obras da AACD, que acontecerá nos dias 27 e 28 de outubro.