;

Especiais

Alto Taquari| Prefeito afasta servidor e aciona PM para conter confusão em prefeitura

O Controlador Interno da Prefeitura Municipal de Alto Taquari, Robison Júnio Alves , foi afastado de suas funções na tarde desta quinta-feira (1ª) após o Ministério Público instaurar Inquérito Civil em seu desfavor. O prefeito Ivan Borba teria solicitado o afastamento do controlador após ter recebido um ofício do MP comunicando a abertura do processo. Durante o comunicado do afastamento ao servidor houve confusão e a polícia foi acionada, uma pessoa foi detida.  

A denuncia contra Robison foi apresentada ao MP juntamente com uma gravação que o compromete. 

O que sabemos até o momento é que o Ministério Público não chegou a pedir o afastamento do servidor, mas reconhece que a Lei Municipal permite esta possibilidade desde que diante de indícios da prática de ato de improbidade administrativa.

Se por ventura o afastamento não fosse solicitado pelo então prefeito, quem o faria seria o próprio MP.

“Os elementos apresentados são robustos o que resultaria, eventualmente, em requisição de instauração de procedimento administrativo, com orientação de afastamento cautelar à Administração”, afirmou o Promotor de Justiça, Marcelo Linhares.

Segundo informações uma servidora  foi detida por supostamente ter tentado alterar provas retirando um HD Externo do local. Ela foi levada à delegacia e liberada em seguida após pagar fiança no valor de R$4.900, no entanto, poderá responder pelo crime de fraude processual caso seja comprovado a retirada do HD da sala.