;

Especiais

Alto Taquari| Com saldo de R$ 2 milhões, prefeito aguarda aprovação de projeto para efetuar pagamentos de funcionários

Foto: Câmara Municipal
Servidores públicos de Alto Taquari correm o risco de terem seus salários atrasados caso os vereadores não aprovem na Sessão Ordinária desta quarta-feira (4), o Projeto de Lei que autoriza a Suplementação de Receita. Atualmente a prefeitura tem em caixa, em torno de R$ 5 milhões. O Projeto de Lei nº 55/2017 foi protocolado no dia 15 de setembro.

Os valores em caixa são oriundos de convênios Estadual, Federal e recursos próprios, nos quais R$2 milhões estão disponíveis para pagamento de despesas, entre estas despesas, a folha de pagamento que conta com mais ou menos R$ 1 milhão que aguardam aprovação dos vereadores para serem repassados aos servidores, segundo informações.
Na contra partida da autorização da Suplementação de Receita, os vereadores conseguiram votar e aprovar o Projeto Lei nº901/2017 que autoriza o aumento de R$ 1 mil reais na verba indenizatória de cada parlamentar.

Após aprovação em agostos,  os vereadores passaram a receber R$ 4 mil de verbas indenizatória, além do salário mensal que fica em torno de R$ 4 mil reais. 

Outro Lado

Entramos em contato com o Prefeito Municipal Fábio Garbugio, o mesmo não quis se pronunciar sobre a votação dos vereadores, no entanto, nos adiantou que já solicitou junto ao Tribunal de Contas do Estado uma auditoria para verificar o porquê a dotação ultrapassou o teto. 

Já o presidente da Câmara Ivam Borba, nos afirmou que o Projeto vai à Plenário para votação nesta quarta-feira(4), eles nos informou que as comissões já deram o parecer.