;

Especiais

Mato Grosso| Agente penitenciário é afastado do cargo pela Justiça sob suspeita de corrupção


Com informações do G1

Um servidor do Sistema Penitenciária de Mato Grosso foi afastado do cargo, por suspeita de corrupção. O agente penitenciário que atuava em Itiquira, a 359 km de Cuiabá, teria se apropriado do telefone celular de um detento e foi denunciado pelo crime de peculato.

O G1 não conseguiu contato com a defesa do servidor.

A determinação de afastamento do servidor, divulgada na sexta-feira (20), foi tomada pela Justiça com base em um pedido do Ministério Público Estadual (MPE), alegando que o comportamento do agente não condiz com as diretrizes da categoria.

Além disso, o servidor que era investigado por improbidade administrativa e peculato, estaria atrapalhando o processo. Ele teria coagido uma testemunha, pedindo que ela mentisse em favor dele.

“A tolerância da população em relação a atos de corrupção é cada vez menor e as autoridades tem o dever de promover a responsabilização de seus autores”, disse o promotor Cláudio Angelo Correa Gonzaga, que acompanha o caso.

O G1 também tentou contato com o Sindicato dos Servidores Penitenciários do Estado de Mato Grosso, mas não obteve resposta até a publicação dessa reportagem.