;

Especiais

Educação| Escolas integrais aproximam o estudante da universidade

Com as matrículas abertas até o dia 10 de março, as escolas de tempo integral da rede estadual de Mato Grosso estão focadas, em 2017, em preparar os estudantes para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Com um modelo pedagógico diferenciado, as escolas também preparam os alunos para o mercado de trabalho, de acordo com a vocação de cada um.
A EE André Antonio Maggi, localizada no bairro Jardim Participação 1 em Rondonópolis e que ainda atende a outros bairros adjacentes como Cidade Alta, Atlântico, Cidade de Deus, Lúcia Maggi, dentre outros, se prepara para o início do ano letivo com pequenas reformas estruturais, pois o prédio apresenta uma boa estrutura.
Para o diretor da escola, Manoel Oliveira de Souza, as escolas de ensino integral apresentam um diferencial, pois, a carga horária de oito horas diárias será preenchida com atividades extracurriculares importantes para a formação dos alunos. O próprio modelo pedagógico diferenciado permite que o aluno tenha a liberdade na escolha das disciplinas.
“Essa proposta de governo para as escolas de tempo integral é uma das propostas mais atraentes e mais significativas, pelo contexto atual em que se encontra nossa juventude. Dentro dessa proposta, além de estudar as disciplinas do currículo base, como português e matemática, os alunos serão preparados para o ensino superior e mercado de trabalho, através de outras atividades como ‘Projeto de Vida’, práticas experimentais, estudo orientado e acompanhamento personalizado, que vão desenvolver o potencial de cada aluno”, analisa Manoel Oliveira.
A escola tem 17 salas de aulas, um laboratório de ciências, dois laboratórios de informática, um refeitório amplo e abriu 450 vagas, das quais mais de 200 já foram preenchidas.
As matrículas vão até o dia 03 de março pelo site da Seduc – e até 10 de março na própria escola.
No último dia 22, a Seduc começou a disponibilizar as matrículas para as escolas de ensino integral pelo sistema Matrícula Web, disponível no portal www.seduc.mt.gov.br. Juntas, as unidades escolares com ensino integral ofertam cinco mil vagas para estudantes do Ensino Médio.
Quem preferir fazer as matrículas presenciais pode ir até a escola de interesse com os seguintes documentos: atestado de transferência ou histórico escolar; cópia de RG e CPF; cópia de comprovante de endereço; uma foto 3/4 e uma cópia da certidão de nascimento.
O município de Rondonópolis (212 km ao Sul de Cuiabá) tem uma população de, aproximadamente, 220 mil habitantes, e recebeu quatro unidades escolares da rede estadual com Ensino Médio em Tempo Integral em 2017.

MT.GOV