;

Especiais

Economia| Governo não descarta restringir saques de contas inativas do FGTS

Após o saque do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) em contas inativas ter sido liberado pelo presidente Michel Temer, há menos de um mês, agora o Governo Federal pretende delimitar o número de trabalhadores que poderão sacar o benefício.
De acordo com informações da Folha de S. Paulo, o poder público tomou conhecimento que cerca de 2% dessas contas inativas concentram um saldo muito alto e, certamente, devem pertencer a pessoas com maior renda.

Para conter o saque "desenfreado", o governo criará mecanismos para informar à população algumas alternativas que podem ser adotadas. De acordo com a reportagem, a possível restrição atingiria somente essas contas.
Noticias ao minuto