;

Especiais

Alto Taquari| Emissões excessivas de faturas de água geram reclamações e denuncia ao MPE


Após denúncia, o Ministério Público do Estado de Mato Grosso, instaurou em desfavor do Departamento de Saneamento Básico de Alto Taquari, o SIMP: 000550-046/2018 cujo objetivo é investigar o procedimento de cobrança realizado pelo Departamento de Água.

De acordo com o SIMP, o denunciante afirmou ao MPE que “ao dirigir-se ao departamento de saneamento do município foi informado de que não recebeu a conta porque estava sem servidor para leitura e expedição em determinado período. Relata também que questionou a cobrança de uma taxa mensal no valor de R$0,66 nas contas, cobrada de todos os munícipes, mas o servidor que o atendeu não soube explicar do que se trata e a finalidade desta cobrança.

Assim como o consumidor acima, várias pessoas procuraram o Alto Taquari em pauta para relatar a dificuldade que estão tendo quanto aos serviços prestados pelo Departamento de Água.

De acordo com uma das reclamações, só neste mês de julho, a Prefeitura Municipal entregou três faturas, o que para os consumidores é visto como desrespeito.

Além das faturas em excessos, a falta de água também é constante em vários bairros.

Outro Lado

Sobre a falta de água, a Prefeitura Municipal postou na página oficial do Facebook que neste mês faltaria água devido à limpeza dos poções realizados pela FUNASA.

Denúncia

Se você também está com estas dificuldades, pode ligar no 127 e registrar sua reclamação anonimamente, este é o número da Ouvidoria do Ministério Público do Estado de Mato Grosso.  Ou se preferir pode acessar aqui.