;

Especiais

Esporte| Salários de Senna na F1 somam R$ 241 milhões; Schumi bateu R$ 1,2 bi

Lista compilada pelo jornal espanhol Marca revela os pilotos mais bem pagos da história da Formula 1. O ranking teve como base os salários e as bonificações pagas pelas escuderias e não incluiu valores referentes a patrocínios pessoais.
O líder é o alemão Michael Schumacher, com R$ 1,2 bilhão - o brasileiro melhor colocado é Ayrton Senna, com R$ 241 milhões.

Confira o top 10:
1º - Michael Schumacher (ALE): R$ 1,2 bilhão
2º - Fernando Alonso (ESP): R$ 1 bilhão
3º - Kimi Raikonnen (FIN): R$ 1 bilhão
4º - Lewis Hamilton (ING): R$ 624 milhões
5º - Jenson Button (ING): R$ 620 milhões
6º - Sebastian Vettel (ALE): R$ 412 milhões
7º - Jacques Villeneuve (CAN): R$ 363 milhões
8º - Nico Rosberg (ALE): R$ 310 milhões
9º - Ayrton Senna (BRA): R$ 241 milhões
10º - Alain Prost (FRA): R$ 234 milhões
Noticias ao minuto