;

Especiais

Política| Renan é denunciado ao STF por corrupção passiva e lavagem de dinheiro

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou o senador Renan Calheiros ao Supremo Tribunal Federal, nesta segunda-feira, que corre o risco de virar réu mais uma vez, agora dentro da Operação Lava Jato
Ele é acusado de corrupção passiva e lavagem de dinheiro envolvendo contratos com a Petrobras.
Na semana passada, Renan havia virado réu no STF por crime de peculato, que é a apropriação de recursos públicos. 
A denúncia chegou ao Supremo há quase quatro anos. A Procuradoria-Geral da República afirma que Renan Calheiros teve despesas de uma filha com a jornalista Mônica Veloso bancadas por uma empreiteira, a Mendes Júnior.
Na época do escândalo, em 2007, Renan renunciou ao cargo de presidente do Senado.

Notícias ao minuto