sexta-feira, 1 de setembro de 2017

Saúde| Queda na taxa nacional de vacinação preocupa governo

Com informações do Notícias ao Minuto
O Brasil, reconhecido no mundo pelo programa de imunização gratuita, amargou, em 2016, o pior índice de vacinação em 12 anos: 84%. Onze pontos percentuais a menos do que os 95% propostos na meta da Organização Mundial de Saúde (OMS). Conforme dados do Programa Nacional de Imunização (PNI), a taxa é relativa de janeiro a outubro, mas inclui os resultados da última campanha nacional do ano passado, realizada em setembro.
O PNI dá conta ainda que, desde 2013, vacinas contra caxumba, sarampo e rubéola são cada vez menos populares. No total, 27 tipos de imunização são oferecidos gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS), desde 1973. Coordenadora do Programa Nacional de Imunização, Carla Domingues admite que o governo está preocupado.
"Ainda é muito precoce para dizer se há oscilação real, mas estamos preocupados, sim. O sinal amarelo acendeu", afirmou em entrevista à BBC Brasil. Os estados onde a queda é mais acentuada são Ceará e Pernambuco. Entre 2013 e 2015, após quase uma década com taxa de vacinação acima de 95%, houve forte queda em imunização de sarampo, caxumba e rubéola. Em 2013, um surto de sarampo em Pernambuco acabou chegando a 38 cidades do Ceará. Foram 1.277 casos confirmados nos dois estados.

Reações:
Postar um comentário