segunda-feira, 11 de setembro de 2017

Brasil| Mulher morre em explosão enquanto tentava aplicar pesticida em cachorro

Com informações do Notícias ao Minuto
Marlene Vidal, de 55 anos, morreu na noite de sábado (9) em uma explosão durante a tentativa de aplicar pesticida em um cachorro, em Paranavaí, no Paraná. Ela estava internada no Hospital Universitário de Londrina desde o dia 30 de agosto.
Como divulgado pelo "G1", com informações do hospital, Marlene teve 47% do corpo queimado e ficou 10 dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). O corpo foi sepultado na manhã deste domingo (10) no Cemitério Municipal de Paranavaí.
O acidente aconteceu no dia 28 de agosto, quando Marlene e outras duas pessoas tentavam passar o produto no cachorro da família, que estava muito agitado. Vizinhos disseram que eles usaram uma arma de choque para acalmar o animal. Uma faísca que saiu da arma entrou em contato com o pesticida, que é inflamável, e explodiu.
Um homem de 50 anos teve mais de 50% do corpo queimado e está internado em estado grave. A terceira pessoa, de 34 anos, chegou a ser internada, mas foi liberada na semana passada. O estado de saúde do cachorro não foi informado.

Reações:
Postar um comentário